São Paulo Rema, rema! Rafting em Brotas

Escolhemos a cidade de Brotas no interior de São Paulo, famosa pelo turismo de aventura como rafting, canionismo, tirolesa, arvorismo, etc.

Optamos pela agência Alaya pois desde o início foram muito solícitos e atenciosos.

O dia começou cedinho, seguimos para a base da agência no centro de Brotas, onde assinamos os termos de responsabilidade (ah estes termos, me dá arrepio de ler e assinar eles, mas é preciso!) e fomos direcionados para os fundos da agência onde o próprio dono, um francês que chegou em Brotas há mais de 20 anos, iniciou a parte teórica –  orientações pré-aventura.

 

Em seguida recebemos as orientações de segurança. O instrutor nos ensinou o que fazer caso caíssemos na água e como nos posicionarmos (a posição de corredeira, que evita acidentes).

Seguimos de ônibus (da própria empresa) até o local de início do rafting, mas antes mais um pouquinho de aula, desta vez prática, muito mais divertida! O nosso guia, o Muriçoca, nos ensinou os comandos gerais, como sentar no bote e como remar.

 

Pronto! Já tínhamos tudo que precisávamos para enfrentar esta grande aventura! ‘Bora para o Rio Jacaré!

Antes mesmo de cairmos na água o coração estava disparado, afinal não sabia exatamente como seria e o que enfrentaríamos. Minha sobrinha estava do meu lado, então minha preocupação era redobrada para garantir que ela estivesse com os pés na posição correta (encaixados) o tempo todo.

A aventura começou, nos aproximamos da primeira queda, o coração disparou ainda mais, não sabia ao certo se o bote viraria, se cairíamos, se se se… Gritar foi natural, colocar para fora aquela adrenalina, mais conhecida como medo! E lá passamos pela primeira queda, conferi que todos estavam bem e o principal: dentro do bote!

 

Ufa, após este momento consegui me entregar para a aventura e apenas aproveitar! Estarei mentindo (e você pode confirmar pelo vídeo) se disser que o medo passou e que os gritos cessaram, mas posso dizer que aproveitei todas as outras quedas e queria mais!!

Parte do percurso é muito calma, sem quedas. É neste momento que podemos contemplar a natureza, sentir ela pertinho de nós, nos proporcionando um dia tão incrível.

Senti muita segurança e confiança nos equipamentos e nos guias. Durante todo o tempo havia guarda-vidas em kaiaks nos acompanhando.

Minha sobrinha de 11 anos sentiu medo, mas aproveitou bastante (olha a carinha de felicidade dela na foto abaixo #sqn)! Já minha mãe quer saber quando vamos novamente, mas em um grau mais avançado “Quero mais aventura”, diz ela.

Acredito que o sucesso de um passeio com guia depende muito do próprio guia, nós demos muita sorte com o Muriçoca, ele era muito divertido e fez um passeio que já era incrível serperfeito!

O vídeo abaixo mostra com detalhes todos os momentos do percurso, se você tem dúvida se é muito perigoso ou quer saber o que vem pela frente, dá uma olhadinha nele!

Rafting é um passeio de aventura, aquele tipo de passeio que seu coração acelera, que a adrenalina é liberada, que você ri à toa e termina o dia de alma lavada e com vontade de fazer tudo outra vez! Aventure-se!

Bons ventos!


Onde fazer rafting?

Brotas, São Paulo

Quanto custa fazer rafting

R$120 por pessoa

Quando fomos

Abril de 2017

Empresa

Alaya

Preciso ter um grupo formado?

Não precisa não. Você pode até mesmo ir sozinho (ou seja, não tem desculpas!) e lá na hora o pessoal distribui as pessoas nos botes. Nós fomos em 6 e conseguimos fechar o bote só para nossa família.

Dicas

Sobre seus pertences: objetos de valor e/ou que não possam molhar podem ser guardados em pequenos guarda-volumes na própria agência (R$5,00). Você poderá deixar sua mochila com tolha, troca de roupa seca, água e lanchinhos dentro do ônibus que leva até o local do rafting. Eu fortemente recomendo não levar o celular ou qualquer outro objeto para o rafting, a chances de perde-los é grande! Nós fizemos todas as filmagens com a câmera GoPro muito bem presa ao capacete e com backup.

Fotos

Você deve estar pensando “Mas sem celular e sem câmera como vou ter fotos desta aventura?” No dia do nosso rafting haviam fotógrafos em 2 pontos do percurso. Mas se você é econômico como eu vai dizer “Ahh mas essas fotos são muito caras”, geralmente sim, mas não foi o caso! Eles oferecem um pacote com todas as fotos tiradas (88 fotos no total) por R$50 e você pode dividir este valor com todas as pessoas do bote. Eu adorei as fotos, valeu super a pena!

E você, quem levaria para Brotas?

Gostou? Compartilha!


Precisa reservar seu hotel ou hostel? Nós sugerimos a Booking.com!

Utilize ESTE LINK, você não paga nada a mais por isso (nem 1 centavo, prometo!) mas nós recebemos uma pequena  comissão, que ajuda a pagar as contas do blog e escrever mais posts incríveis como este!

Olá, somos Antonio e Maiza!
Aqui nós compartilhamos as melhores
dicas e roteiros de viagem para que você possaviajar mais e melhor.
 Realize você também os seus sonhos!